Image

Toyota Corolla Cross: SUV é registrado no Brasil para brigar com Compass e Taos

14

out
2020

Revelado na Tailândia em julho, o novo Toyota Corolla Cross já está registrado no Brasil, conforme as imagens de patentes protocoladas no INPE (Instituto Nacional da Propriedade Industrial). O SUV estreará em meados de 2021 para brigar com o Jeep Compass e o recém-apresentado Volkswagen Taos.

O Corolla Cross será fabricado em Sorocaba (SP), onde a Toyota já produz os compactos Etios e Yaris. O Etios, aliás, corre o risco de ser descontinuado para abrir espaço ao SUV na fábrica paulista.

Desenvolvido a partir da plataforma modular TNGA, a mesma do sedã Corolla, o SUV mede 4,46 metros de comprimento, 1,82 m de largura e 1,62 m de altura. O porta-malas de 487 litros tem a capacidade reduzida para 440 litros no caso das versões equipadas com estepe de uso temporário acomodado no assoalho.

LEIA TAMBÉM:
Volkswagen Taos chega no segundo trimestre de 2021 para brigar com o Jeep Compass
Novo Jeep de 7 lugares, que chega em 2021, não será um Compass alongado
Jeep Compass x VW Taos: o que esperar do principal duelo de SUVs de 2021

A distância entre-eixos de 2,64 m é idêntica à do CH-R (SUV derivado da mesma plataforma vendido na Europa e Japão), porém, 6 centímetros menor que a do Corolla.

Além da estrutura, o Corolla Cross também compartilhará com o Corolla as motorizações: 1.8 flex híbrida de 123 cv de potência e 2.0 flex com injeção direta de até 177 cv.

Ambas são gerenciadas por transmissões automáticas tipo CVT, sendo que na 2.0 flex o câmbio simula 10 marchas.

Foto: INPI

O nível de equipamentos também deverá ser idêntico ao do Corolla, oferecendo central multimídia com tela tátil de 9 polegadas e compatibilidade com os sistemas Android Auto e Apple Car Play, câmera de ré, ar-condicionado automático, faróis de LED, etc. Sensor de ponto cego, controle de cruzeiro adaptativo e teto solar poderão ser disponibilizados em versões topo de linha.

Foto: Divulgação e INPI

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.