Image

Nova Fiat Strada começa a ser exportada como RAM 700

30

set
2020

Sucesso de vendas no Brasil, a nova geração da Fiat Strada já está sendo exportada para alguns países da América Latina como picape de entrada da marca RAM. Essa estratégia já é utilizada há alguns anos com o modelo anterior e com a Fiat Toro.

A RAM 700, nome que a Strada recebe em outros mercados (número em alusão à capacidade de carga), começa a chegar ao Chile e ao México, como revelam as peças publicitárias e o flagra publicado pelo BF///MS, que mostra algumas unidades da picape sendo transportadas por um caminhão-cegonha.

Em comparação com a Strada vendida no Brasil, as diferenças visuais estão concentradas na grade frontal e nos emblemas com o logotipo da RAM na carroceria e no volante.

A mecânica também é idêntica, porém, os motores dos modelos exportados são movidos apenas a gasolina. No caso do Fire 1.4 são 85 cv de potência, enquanto o Firefly 1.3 entrega 99 cv.

A nomenclatura das versões também segue o padrão da marca norte-americana. A configuração de entrada Endurance passa a ser chamada de SLT e a intermediária Freedom é rebatizada como Big Horn. Já a topo de linha Volcano será vendida como Laramie.

No Chile, a RAM 700 será vendida apenas na variante de cabine dupla a partir da versão Big Horn. Todas serão equipadas de série com quatro airbags e controles de estabilidade e tração.

Fotos: Reprodução internet e @bfmsoficial

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.