Image

Volkswagen Nivus, o SUV cupê do Polo, chega no final de junho

28

mai
2020

A Volkswagen revelou nesta quinta-feira (28) o Nivus, crossover de estilo cupê que teve o lançamento adiado de abril para o final de junho devido à pandemia do coronavírus. Os preços, que ainda não foram divulgados, ficarão na faixa de R$ 80 mil a R$ 100 mil.

Baseado na plataforma do Polo, o Nivus também é fabricado em São Bernardo do Campo (SP). Apesar do visual próprio da traseira, a novidade compartilha diversos componentes com o hatch, como partes das chapas da carroceria, portas, além dos mesmos 2,56 metros da distância entre-eixos.

No entanto, o balanço traseiro (856 mm) foi esticado em 168 mm para realçar as linhas de cupê e proporcionar um porta-malas de bons 415 litros de capacidade. Ganho de 115 litros em relação ao do Polo e mais espaçoso que os 393 litros do T-Cross.

A suspensão do Nivus também foi elevada em 1 centímetro em comparação com a do Polo para atingir uma altura de rodagem 2,7 cm superior, considerando os novos pneus e rodas de liga leve. Segundo a Volks, a altura em relação ao solo é igual à do T-Cross, mas o vão livre é menor devido aos defletores das caixas de rodas.

O visual do Nivus tem elementos próprios, como grade mais larga com frisos do tipo colmeia. O para-choque dianteiro e os faróis também são exclusivos do modelo.

A traseira conta com lanternas interligadas por uma peça plástica atravessando a tampa do porta-malas. Como no T-Cross, a iluminação de LED não forma um filete único.

A Volkswagen ainda não detalhou a lista de equipamentos das versões, deixando essas informações para o período de pré-venda, na segunda quinzena de junho.

Mas os destaques do Nivus estão no pacote tecnológico, disponível apenas na versão topo de linha. Além de uma nova central multimídia desenvolvida pela engenharia da marca no Brasil, o SUV terá internet sem fio a bordo, carregador de celular por indução, painel totalmente digital, entre outros recursos.

O Nivus também será o primeiro Volkswagen feito no Brasil a receber o controle de cruzeiro adaptativo, combinado ao alerta de colisão frontal e frenagem autônoma de emergência (o T-Cross conta somente com a frenagem a automática pós-colisão).

A Volkswagen também não informou quantos airbags o Nivus terá de série. Por compartilhar a plataforma com o Polo, são esperadas pelo menos quatro bolsas infláveis de série, mas é possível que a fabricante inclua mais duas bolsas do tipo cortina para todas as versões.

A única motorização disponível será a 200 TSI 1.0 turbo flex, que entrega até 128 cv de potência e 20,4 kgfm de torque. Diferentemente dos irmãos Polo, Virtus e T-Cross, o Nivus terá sistema start-stop para reduzir o consumo de combustível. De acordo com a Volks, esse motor recebeu sutis melhorias para melhorar a eficiência do funcionamento.

A transmissão é a Tiptronic automática de seis marchas, compartilhada com a maioria dos modelos da Volks vendidos no Brasil, possivelmente com uma calibração específica para lidar melhor com o ganho de peso em relação ao Polo.

Fotos: Divulgação

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.