Image

Ford Bronco Sport, o SUV que substituirá o Fusion no Brasil, tem versões reveladas

20

mar
2020

Revelado em imagens que vazaram na internet há alguns dias, o novo Ford Bronco Sport teve as especificações divulgadas a partir de fotos tiradas do sistema de pedidos de concessionárias nos Estados Unidos.

O SUV será vendido no mercado norte-americano em cinco versões, todas equipadas com tração 4×4 e câmbio automático de oito marchas: Base (de entrada), Big Bend, Outer Banks, Badlands e First Edition (série especial de lançamento).

Os nomes das versões são inspirados em atrações turísticas naturais dos Estados Unidos, confirmando a estratégia da Ford de relacionar o Bronco Sport a uma proposta mais off-road.

As motorizações a gasolina também foram confirmadas pelo catálogo das concessionárias. A opção de entrada é a EcoBoost 1.5 turbo de três cilindros, que entrega 182 cv de potência e 24,4 kgfm de torque, além da 2.0 turbo de 253 cv e 38 kgfm.

Com estilo que remete à primeira geração do Land Rover Freelander, o Bronco Sport é construído a partir da mesma plataforma do novo Escape, SUV médio de visual mais urbano. A dianteira chama a atenção pela grade que envolve os faróis e destaca o nome “Bronco”, como se fosse uma submarca da Ford.

O emblema do oval azul da fabricante aparece apenas na tampa do porta-malas com vidro, aparentemente, com abertura independente.

Embora compartilhe a estrutura com o Escape, o Bronco Sport tem o entre-eixos 4,1 centímetros mais curto (2,67 metros) que o do “irmão”.

Formato da carroceria do Bronco Sport lembram o Land Rover Freelander de primeira geração

O SUV terá 10 opções de acabamento interno, sendo que uma delas é chamada de “Area 51” em alusão à instalação da Força Aérea dos Estados Unidos nos deserto de Nevada. Por fora, os clientes poderão escolher a cor do teto (cinza ou preto) diferente da pintura do restante do carro.

O Bronco Sport será lançado na América do Norte ainda este ano, mas a data ainda não foi definida em razão das restrições provocadas pela pandemia do coronavírus. O SUV será feito no México, na linha de produção onde Fiesta era fabricado.

O SUV, inclusive, já foi visto em testes no Brasil, conforme o flagra dos colegas da revista Quatro Rodas. Por aqui, ele será posicionado na faixa de preços do sedã grande Fusion, que será descontinuado no final do ano.

Fotos: BroncoSportForum

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.