Image

Gravar impressão digital no capô de um Porsche custa tanto quanto um Fiat Mobi 0km

28

fev
2020

O céu é o limite quando se trata de personalização automotiva. Tanto que é comum vermos por aí carros com rodas enormes, motores superpotentes, entre outras modificações.

No caso dos modelos de luxo, a extravagância atinge patamares superiores. A Porsche, por exemplo, oferece a desde acessórios a pinturas exóticas que chegam a custar quase o valor do carro.

Para quem quer ainda mais exclusividade, a marca alemã ainda disponibiliza a seus clientes um serviço que reproduz na carroceria do veículo imagens impossíveis de serem feitas por meio do método convencional de pintura automotiva, incluindo a impressão digital do dono do carro.

Uma impressora de jato de tinta é usada no processo, que exige a ajuda da robótica para desenvolver os equipamentos, técnicas de pintura e a confecção dos pigmentos.

A personalização custa, na Alemanha, 7.500 euros – equivalente a R$ 36.100 na cotação atual, valor suficiente para comprar um Fiat Mobi Easy novo em folha (R$ 34.990) e ainda sobra uma grana para pagar a documentação.

A biometria do cliente é coletada no ato da compra do veículo. A marca garante que os dados são mantidos em total segurança.

Fotos: Documentação

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.