Image

Peugeot confirma novo 208 no Brasil em 2020

02

dez
2019

Embora a nova geração do 208 já venha sendo cogitada na América Latina há alguns meses, a Peugeot acaba de confirmar que produzirá o hatch na Argentina para vendê-lo no mercado brasileiro a partir de 2020. O comunicado enviado à imprensa é assinado por Ana Theresa Borsari, Country Manager do Grupo PSA no Brasil.

“O Novo PEUGEOT 208 acabou de ser apresentado na Europa e já é a expressão máxima da visão da Marca em design, tecnologia e experiência de condução. Ele resgata valores em um segmento em que sempre fomos protagonistas e, por isso, é com orgulho que confirmo sua fabricação a partir de 2020 em nosso Centro de Produção em EL Palomar, na Argentina”, disse Borsari,

Lançado na Europa no começo do ano, o novo 208 será fabricado em El Palomar a partir do segundo semestre de 2020, usando a nova plataforma modular CMP como base. Desenvolvida para receber eletrificação, a estrutura permite criar versões 100% elétricas ou híbridas, como já acontece no mercado europeu.

Outra novidade será a estreia do motor 1.2 turbo de 130 cv de potência e 20,4 kgfm de torque, com câmbio automático de seis marchas, nas versões mais caras do hatch. Esses números poderão ser incrementados com o uso de etanol.

A imprensa argentina disse recentemente que o novo 208 também será comercializado na América do Sul com as motorizações aspiradas 1.2 de três cilindros de 84 cv e 1.6 de 115 cv, ambas com câmbio manual de cinco marchas. A mais potente terá a opção da caixa automática de seis velocidades.

O novo 208 deverá conviver com o modelo atual no mercado brasileiro, ocupando a faixa de preços das versões mais equipadas dos novos Chevrolet Onix e Hyundai HB20, Toyota Yaris e Volkswagen Polo. A versão elétrica 208e lançada na Europa também poderá ser comercializada na América do Sul, porém, em data ainda não definida.

Fotos: Divulgação

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.