Image

Vítima de fake news, Mercedes-Benz desmente áudio compartilhado nas redes sociais

12

nov
2019

Um áudio compartilhado nas redes sociais no último final de semana, no qual um homem não identificado diz que o presidente da Mercedes-Benz no Brasil e América Latina, Philipp Schiemer, teria afirmado durante um evento em Santa Catarina que toda a produção de caminhões estaria vendida até março ou maio de 2021 e a empresa não conseguiria atender novos pedidos antes desse prazo.

A Mercedes-Benz desmentiu o áudio em um comunicado emitido para esclarecer que Schiemer, cujo nome não foi citado no áudio, realmente participou do evento da Associação Empresarial de Joinville (Acij) no dia 4 de novembro, mas não disse nada além da competitividade do setor de veículos comerciais no País e das boas perspectivas com a retomada do aquecimento econômico com investimentos.

“Gostaríamos muito que o mercado brasileiro estivesse tão positivo a ponto de esgotar a nossa produção. Mas reforçamos que estamos diante de mais uma ‘Fake News’. Os nossos clientes podem ficar tranquilos. Garantimos que temos como atender os pedidos em nossas fábricas”, esclareceu a empresa.

Amplamente divulgado, o áudio certamente provocou expectativas positivas nos ouvintes menos atentos, apesar do viés político em defesa do presidente Jair Bolsonaro e das medidas do ministro da Economia Paulo Guedes e de ataques à imprensa. O autor ainda acrescenta que Schiemer teria feito a seguinte afirmação: “a Europa está prevendo o Brasil se tornar a maior economia do mundo em pouquíssimo tempo”.

Para evitar novos equívocos, a Mercedes-Benz orienta o público a checar toda e qualquer informação envolvendo o nome da empresa e reforça que “fake news é um mal a toda sociedade”.

Veja abaixo o comunicado na íntegra:

Foto: Divulgação

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.