Image

Comum no Brasil, Fiat 147 1983 é leiloado nos EUA por mais de US$ 7 mil

08

nov
2019

A Fiat voltou a comercializar carros nos Estados Unidos há nove anos, mas já ensaia o encerramento de suas operações naquele país por conta do baixo de volume de vendas dos modelos 500, 500L, 500X e 124 Spider. Por outro lado, a marca parece ter algum apelo, ao menos, entre os antigomobilistas.

Comum no Brasil, o Fiat 147 teve uma unidade vendida pela loja Vintage 4×4 Parts da cidade de Tampa, no estado da Flórida. O carrinho fabricado em 1983 foi anunciado por US$ 4.999 (cerca de R$ 20 mil na cotação atual) e acabou sendo arrematado por US$ 7.099 (R$ 28.740) após seis lances em um leilão virtual.

Jimenez Giraldo, dono da Vintage 4×4 Parts, disse que importa carros antigos de várias partes do mundo há 10 anos e resolveu comprar o 147 por achá-lo diferente. Segundo ele, o governo norte-americano permite a importação de qualquer veículo com mais de 25 anos. O Fiat foi devidamente emplacado e regularizado, com documento e seguro, para rodar tranquilamente pela Flórida.

O 147 saía da fábrica de Betim (MG) equipado com o motor 1.3 de 72 cv de potência e câmbio manual de quatro marchas. O carro vendido nos Estados Unidos ainda conta com faróis auxiliares, rodas de liga leve da época e a frente com o estilo conhecido como Europa.

O Fiat 147 foi produzido no Brasil entre 1976 e 1986, e ficou conhecido como Cachacinha por ser o primeiro carro nacional movido a etanol.

Fotos: Reprodução

Tags

Sobre o autor

Editor. Começou a trabalhar no Carsale em 2012, mas gosta e acompanha o universo automotivo desde que se conhece por gente. Prefere carros compactos e práticos, mas se diverte da mesma forma quando avalia um utilitário no fora-de-estrada ou acelera um superesportivo num autódromo.