Image

Sem previsão de venda oficial no Brasil, Ford F-150 Raptor chega à Argentina por R$ 340 mil

11

out
2019

Uma das atrações do último Salão do Automóvel de São Paulo, a Ford F-150 Raptor chegou a ser apresentada à imprensa especializada (veja aqui as nossas impressões), mas ainda está distante de ser vendida no Brasil de maneira oficial. Diferentemente do que acontece na Argentina, onde os nossos vizinhos podem ir a uma concessionária da marca e encomendar o modelo por US$ 85 mil – equivalente a R$ 340 mil em conversão direta.

No Brasil, a F-150 Raptor é vendida apenas por importadores independentes, que cobram cerca de R$ 500 mil pela picape, dependendo da configuração de equipamentos e cotação do dólar.

Além da Raptor, a Ford também começa a vender no mercado argentino a F-150 Lariat Luxury. A versão de proposta mais luxuosa tem preço sugerido de US$ 66.300 (cerca de R$ 265 mil).

Desenvolvida pela divisão de alto desempenho Ford Performance, a F-150 Raptor leva sob o capô o motor EcoBoost 3.5 V6 biturbo a gasolina de 456 cv de potência e 70,5 kgfm de torque, combinado ao câmbio automático de 10 marchas compartilhado com o Mustang.

Equipada com um sistema de tração 4×4 inteligente com seis modos de condução e suspensões preparadas com amortecedores especiais Fox Racing, a picape esportiva é capaz de rodar na terra em alta velocidade sem comprometer a dirigibilidade. Segundo a Ford, a Raptor acelera de 0 a 100 km/h em apenas 5 segundos.

Já a F-150 Lariat Luxury é movida pelo motor 5.0 V8 aspirado a gasolina, que entrega 400 cv e 55 kgfm, também acoplado à caixa automática de 10 velocidades.

Ambas são construídas em alumínio e trazem um generoso pacote de equipamentos de conforto e segurança, incluindo o pacote de assistências de condução Ford Co-Pilot 360. As picapes possuem faróis de LED com acendimento e facho alto automáticos, sensor de ponto cego, alerta de tráfego cruzado, assistências de manutenção em faixa e pré-colisão com detecção de pedestres. A F-150 Raptor conta ainda com controle de cruzeiro adaptativo.

Chave presencial, ar-condicionado digital de duas zonas, painel digital e central multimídia SYNC 3 são alguns dos outros itens de série das picapes.

De acordo a Ford, os modelos chegam para complementar, com produtos específicos e exclusivos, a linha de picapes no mercado argentino, atualmente formada pela média Ranger, que possui versões feitas no país, além da versão Raptor importada da Tailândia.

Fotos: Divulgação