Image

Elétrico Nissan Leaf estreia com preço reajustado para R$ 195 mil

18

jul
2019

A Nissan lançou oficialmente, nesta quinta-feira (18), a nova geração do elétrico Leaf no Brasil. O modelo, que foi uma das atrações da marca no Salão do Automóvel de São Paulo 2018 e da carreata do Dia da Mobilidade Elétrica, em maio (quando o Carsale teve a oportunidade de dirigi-lo), teve a lista de equipamentos de série definida. Com isso, o preço praticado na pré-venda subiu de R$ 178 mil para R$ 195 mil – segundo a Nissan, quem comprou o carro antes do reajuste também terá direito ao novo pacote.

Além de itens triviais, como direção elétrica e ar-condicionado, o Leaf chega ao Brasil importado da Inglaterra equipado com um robusto pacote de segurança, composto por controle de cruzeiro adaptativo (acelera e freia o carro automaticamente de acordo com a distância do veículo à frente), sensor de ponto cego, alerta de mudança involuntária de faixa, assistente de frenagem de emergência, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e seis airbags.

O elétrico ainda traz central multimídia com tela tátil de 7 polegadas, compatibilidade com os sistemas Android Auto e Apple CarPlay e câmera com visão em 360°, além de sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, rodas de liga leve aro 17” e faróis e lanternas de LED.

Para tentar justificar o aumento de preço, a Nissan fornecerá o carregador de bateria já instalado, um cabo de emergência e adaptador para carregadores de locais públicos.

O Leaf é movido por um motor elétrico que gera o equivalente a 149 cv de potência. No entanto, o torque é de ótimos 32,6 kgfm, disponíveis instantaneamente, sem depender de um regime específico de rotação do propulsor (característica comum dos carros elétricos).

Com porte de hatch médio e pesando cerca de 1.500 kg, o Leaf acelera de 0 a 100 km/h em bons 7,9 segundos. Já a velocidade máxima é limitada em 144 km/h justamente para economizar a carga das baterias, uma vez que o elétrico tem proposta mais voltada ao uso urbano.

A autonomia com uma carga é de 240 km, segundo os testes de laboratório. Já a Nissan afirma que o Leaf pode rodar até 389 km em ciclo urbano com o auxílio dos freios regenerativos, que recarregam as baterias durante as frenagens.

Fotos: Divulgação

Sobre o autor

Jornalista e palmeirense, Renan Rodrigues de Oliveira, em alusão ao colega de profissão Nelson, prefere usar o primeiro sobrenome. Versátil, Renan fotografa, filma, ilustra, edita vídeo e áudio e se arrisca nas redes sociais. Acompanha em cima os lançamentos do mundo automotivo, prefere os compactos com vocação esportiva, mas pilota até carrinho de mão, se necessário.