Image

Nova RAM 1500 V6 turbodiesel é flagrada em testes finais nos EUA; picape chega ao Brasil ainda em 2019

28

mai
2019

Já dissemos recentemente que a Fiat Chrysler Automóveis (FCA) quer brigar no segmento de picapes médias na América Latina com a RAM 1500 e outro modelo inédito. A primeira chegará importada do México no segundo semestre, enquanto a outra só deverá estrear por aqui em 2021 ou 2022.

CARSALE RECOMENDA:
+ Conheça a Mitsubishi L200, picape casca-grossa
+ Prefere SUV? Tem o Mitsubishi Eclipse Cross
+ Suzuki Vitara: estilo que faz sentido

Nunca vendida de maneira oficial no Brasil, a RAM 1500 será comercializada em nosso mercado apenas com motorização turbodiesel. A nova geração do modelo está prestes a ser lançada nos Estados Unidos, segundo o fórum 5thGenRams. Um protótipo da novidade foi flagrado nos arredores da cidade norte-americana de Detroit rodando apenas com disfarces nos emblemas que denunciam a motorização movida a óleo.

A RAM 1500 terá sob o capô uma versão aprimorada do motor 3.0 V6 EcoDiesel. Dotada de turbo e injeção direta, a unidade entrega 263 cv de potência e 61 kgfm de torque na configuração que equipa o Jeep Wrangler. Na picape, o propulsor terá um aumento na potência e no torque para fazer frente ao motor 3.0 Duramax de seis cilindros usado na Chevrolet Silverado/GMC Sierra 1500.

De acordo com o 5thGenRams, o câmbio automático de oito velocidades fornecido pela ZF foi redesenhado para suportar o ganho de força do motor.

Após a Mercedes-Benz desistir de fabricar a Classe X na Argentina, a RAM 1500 será a única picape média a diesel capaz de peitar a Volkswagen Amarok V6 em nosso mercado. Com a nova RAM 2500 também confirmada para chegar por aqui no segundo semestre, como opção de picape grande na faixa dos R$ 300 mil, a RAM 1500 deverá ficar posicionada na faixa de preços entre R$ 220 mil até R$ 250 mil.

+Nova RAM 1500 chega ao Brasil via importação independente com motor V8 a gasolina

Apesar de medir 2,08 metros de largura, 1,97 m de altura, 3,56 m de distância entre-eixos e 5,81 m de comprimento, a RAM 1500 não exigirá carteira de habilitação a partir da categoria C e nem sofrerá as retrições de circulação por não atingir o peso bruto total de caminhão (como já ocorre com a grandalhona RAM 2500).

Fotos: 5thRamsGen e Divulgação
“Carsale Recomenda” é uma ação publicitária independente do conteúdo editorial