Image

Tesla sobe preço online do Model 3, mas agora parcela em até 72 vezes

15

abr
2019

Em sua mais recente auto-sabotagem comercial, a Tesla — fabricante californiana de carros elétricos — aumentou o preço online do Model 3 básico, seu veículo de entrada, para US$ 39.500. Agora, quem quiser pagar os US$ 35.000 alardeados anteriormente terá de comprar o carro numa loja (aliás, a Tesla anunciou que fecharia todas as lojas físicas, mas voltou atrás) ou… pelo telefone.

Ao mesmo tempo, a Tesla finalmente passou a oferecer duas opções de financiamento para toda sua gama. Após dar uma entrada (entre US$ 2.500 e US$ 5.000), o cliente escolhe entre pagar prestações mensais até a quitação — quando o carro passa a ser dele — ou contratar um leasing, espécie de empréstimo do carro por um período de 36 meses.

No segundo caso, a Tesla decidiu proibir os clientes de pagarem o saldo ao final do lease e ficar com o carro — o que é praxe no mercado automotivo dos Estados Unidos.

Em vez disso, ela quer os carros de volta para serem adaptados à condução autônoma e usados em frotas de táxis sem motoristas, a serem operadas pela própra Tesla ou alguma empresa de rideshare associada a ela.

Esse plano faz sentido quando se considera a mais recente polêmica em que Elon Musk, CEO da empresa, se meteu: num podcast sobre inteligência artificial divulgado na última sexta-feira (12), disse que a Tesla está “muito à frente” de suas competidoras no que se refere à condução autônoma, e que já no final deste ano, ou no começo de 2020, os carros da marca serão mais seguros sem “intervenção humana” na condução.

Por ora, veja como um cliente americano pode comprar um Tesla Model 3 no site da empresa:

– À VISTA
US$ 39.500 (US$ 35.000 na loja ou por fone)
Depósito de US$ 2.500 no ato da reserva

– FINANCIAMENTO
US$ 45.536
US$ 5.000 de entrada
72 prestações de US$ 563
Depósito de US$ 2.500 no ato da reserva

– LEASE (3 anos)
US$ 18.144
US$ 3.000 de entrada
36 prestações de US$ 504
Depósito de US$ 2.500 no ato da reserva
Limite de 10.000 milhas por ano

Imagem: divulgação