Image

Honda HR-V 1.5 turbo europeu vai de 0 a 100 km/h em menos de 9 segundos

08

abr
2019

O Honda HR-V equipado com o motor 1.5 turbo a gasolina será lançado no Brasil somente no segundo semestre na versão topo de linha Touring, mas na Europa ele já é vendido na configuração Sport com o câmbio manual de seis marchas que não será oferecido por aqui.

No HR-V Sport, essa motorização entrega 182 cv de potência a 5.500 rpm e 24,4 kgfm de torque entre 1.900 e 5.000 rpm. No caso da variante com a caixa automática de variação contínua (CVT) com simulação de sete velocidades, o torque é reduzido para 22,4 kgfm – possivelmente para preservar a transmissão.

De acordo com os dados divulgados pela Honda, o HR-V Sport manual acelera de 0 a 100 km/h em 7,8 segundos e atinge a velocidade máxima de 215 km/h. Com o câmbio CVT, a aceleração é feita em 8,6 segundos e a velocidade final cai para 200 km/h.

Além do motor mais potente, o HR-V Sport europeu conta com detalhes escurecidos na carroceria, rodas de 18 polegadas pintadas de preto, ponteira dupla de escape e faróis de LED. O interior recebe bancos dianteiros redesenhados e acabamento em couro bicolor.

Nesta versão, a Honda ainda incorpora direção e suspensões recalibradas para uma condução mais precisa.

As demais versões do HR-V comercializado na Europa são equipadas com os motores 1.5 aspirado a gasolina de 130 cv de potência ou 1.5 a diesel de 120 cv, com as mesmas transmissões da variante Sport.

Motor turbo será menos potente no Brasil
Como já ocorre no Civic Touring vendido no Brasil, por aqui o motor 1.5 turbo não será adaptado para funcionar com etanol, mantendo os 173 cv de potência e 22,4 kgfm de torque – sempre combinado ao câmbio automático CVT. Ainda assim, são números consideravelmente superiores aos do atual motor 1.8 flex aspirado das demais versões, que rende até 140 cv e 17,4 kgfm quando abastecido com etanol.

Na Europa, o Honda HR-V ganhou um novo painel de instrumentos com telas digitais com gráficos 3D, mas essa novidade ainda não está confirmada para o Brasil. A configuração Touring já existiu por aqui, diferenciando-se da demais pela lista de equipamentos com a inclusão de faróis full-LED e airbags de cortina – itens incorporados à versão EXL 1.8 na linha 2019.

Com a chegada do Accord e a estreia do pacote Sensing de assistências de condução em nosso mercado, é possível que o HR-V Touring 1.5 turbo ganhe itens como sensores de ponto cego e de permanência em faixa, alerta de colisão, controle de cruzeiro adaptativo, reconhecimento de sinais de trânsito e detecção de pedestres. Junto com a nova motorização, esse pacote deve jogar o preço do SUV acima dos R$ 120 mil.

Fotos: Divulgação