Image

Oitava geração do VW Golf aparece (quase) sem disfarces

08

mar
2019

A nova geração do Golf deve ser apresentada pela Volkswagen no Salão de Frankfurt, em setembro, mas unidades praticamente sem disfarce já são flagradas em testes finais. Nesta sexta-feira (8), o site Carscoops publicou algumas fotos bastante reveladoras.

A impressão geral é que, em termos de aparência, a oitava geração do hatch não muda quase nada no essencial — vale dizer, basta uma olhadela para saber que se trata do Golf.

O conjunto óptico dianteiro, que na unidade verde-limão das fotos está semicoberto por um adesivo, e a grade frontal resumida a uma única abertura horizontal acima do parachoque mostram que o Golf não vai seguir o estilo do Jetta atual (com grade e faróis destacados), nem do Arteon (substituto do CC, mais agressivo).

A plataforma do hatch continua sendo a modular MQB, mas numa versão aprimorada, denominada Evo (de “evolution”), a qual deve garantir — entre outras coisas — um pouco mais de espaço na cabine e, especula-se, um porta-malas com capacidade ampliada.

A gama de motores na Europa deve incluir unidades turbo de 3 e 4 cilindros, além de uma opção mais potente para as linhas GTI e R. A produção do novo Golf deve começar em junho.

Embora venha perdendo mercado (entre 2017 e 2018 a queda foi de 8%), o Golf ainda é, com folga, o modelo mais vendido na Europa, com 445.754 unidades emplacadas no ano passado. O segundo mais vendido é o Renault Clio, com 336.268 unidades e crescimento consistente, embora pequeno (2% na comparação 2018/17). Estes números foram divulgados pela Jato Dynamics.

No Brasil, no acumulado de 2019, foram apenas 526 Golf emplacados — metade das vendas do Chevrolet Cruze hatch, o líder no subsegmento, e o dobro do Ford Focus. Apenas como referência, o VW Polo (que poderíamos chamar de “Golfinho”) vendeu 10.246 unidades no mesmo período.

Imagens: Carscoops