As imagens de patentes dos Renault Sandero e Logan reestilizados foram registradas no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) há um ano, mas a data de lançamento da dupla no mercado brasileiro ainda é mantida em segredo pela fabricante. De acordo com o site Autos Segredos, ambos estrearão por aqui no primeiro semestre de 2019 como modelos 2020.

Além do visual retocado, Sandero e Logan ganharão a transmissão automática CVT como opção à motorização SCe 1.6 16V flex de 118/120 cv de potência (gasolina/etanol).

Os desenhos registrados no INPI sugerem que a dupla terá novas rodas de liga leve, para-choques redesenhados, além de grade dianteira com filetes horizontais. A principal mudança será mesmo na traseira do Sandero, que ganhará lanternas horizontais, invadindo a tampa do porta-malas.

Ainda não há imagens do interior, mas é possível que ambos recebam alterações na cabine, como uma nova central multimídia compatível com os sistemas Android Auto e Apple CarPlay. Para aproximar o Sandero das versões intermediárias de Fiat Argo e Volkswagen Polo, a Renault deve incrementar a lista de equipamentos do hatch, adicionando os controles de estabilidade e tração em todas as versões.

Imagens: INPI