Image

Honda HR-V 2019 ganha plástica, perde o câmbio manual e parte de R$ 92.500

23

out
2018

Seguindo os passos do rival Jeep Renegade, o Honda HR-V também chegou à linha 2019 com uma leve reestilização e melhorias mecânicas. O modelo ainda perdeu a versão de entrada com LX câmbio manual e a topo de linha Touring. Os preços agora variam partem de R$ 92.500 na variante LX CVT, R$ 98.700 na EX e R$ 108.500 na EXL.

Segundo a Honda, o SUV sofreu mudanças nas suspensões e no isolamento acústico para proporcionar maior conforto de rodagem em pisos irregulares. A transmissão CVT foi recalibrada com o objetivo de tornar as acelerações mais progressivas nas condições urbanas, evitando que o giro do motor suba excessivamente em congestionamentos.

Visualmente, o HR-V ganhou novos faróis com luzes diurnas de LED, grade frontal maior, com o bigode cromado mais largo. O para-choque foi redesenhado, enquanto os faróis de neblina passam a contar com formato redondo. A traseira recebeu lanternas escurecidas com guias de LED. Na versão EXL há novas rodas de liga leve de 17 polegadas.

Internamente, o SUV ganhou novos bancos dianteiros, revestimento em black piano (plástico preto brilhante no console central elevado e novos porta-copos. A variante topo de linha EXL passa a contar com uma nova central multimídia com tela tátil de 7 polegadas e compatível com os sistemas Apple CarPlay e Android Auto, além de um novo painel de instrumentos com os arcos externos iluminados.

São itens de série: ar-condicionado, freio de estacionamento com acionamento eletrônico e função brake hold, controle de cruzeiro e faróis de neblina, bem como vidros elétricos com função “um toque” para subida e descida e destravamento do porta-malas por controle. No quesito segurança, todas as versões são equipadas com controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampa.

As versões EX e EXL adicionam ar-condicionado digital com comandos táteis, airbags laterais, volante revestido de couro e borboletas para trocas de marcha no volante, habilitando a simulação de sete velocidades na transmissão CVT.

O HR-V EXL ainda oferece bancos revestidos em couro, airbags do tipo cortina, acendimento automático dos faróis, bem como acabamentos cromados ao redor dos alto-falantes e saídas de ar do painel, espelhos retrovisores com rebatimento elétrico e função tilt down em marcha à ré.

O HR-V segue equipado somente com o motor 1.8 16V FlexOne de até 140 cv na gasolina e 139 cv no etanol, associado ao câmbio automático do tipo CVT com simulação de sete marchas.

Fotos: Divulgação