Image

Nissan Kicks indiano fica maior com a plataforma do Duster

19

out
2018

A Nissan apresentou na Índia a versão local do SUV compacto Kicks, que recebeu diversas modificações estruturais para atender as preferências mercadológicas daquele país. Diferentemente do modelo brasileiro, feito a partir da plataforma V, o Kicks indiano utiliza a arquitetura M0 dos Renault Captur e Duster para ficar maior e mais robusto.

Para efeito de comparação, o Kicks indiano ganhou 9 centímetros no comprimento (4,38 metros), 5 cm na largura (1,81 m) e 6 cm na altura (1,65 m) e na distância entre-eixos (2,67 m). A Nissan não revelou detalhes internos e nem a capacidade do porta-malas, que certamente é superior aos 432 litros do modelo brasileiro.

Visualmente, o SUV apresenta caixas de rodas mais salientes, faróis mais retilíneos, para-choque dianteiro redesenhado e luzes de neblina reposicionadas. As portas dianteiras contam com uma pequena janela fixa próxima aos espelhos retrovisores.

Para a decepção dos indianos, o Kicks projetado para eles não terá uma motorização mais potente que a 1.6 flex de 114 cv e 15,5 kgfm de torque disponível no Brasil. Por lá, o SUV será oferecido com um propulsor 1.5 a gasolina de 106 cv e 14,5 kgfm e um 1.5 a diesel de 110 cv e 25 kgfm.

O motor a gasolina poderá ser combinado a um câmbio manual de cinco marchas ou automático de variação contínua (CVT). Já o movido a diesel terá a caixa manual ou uma automática com conversor de torque e seis velocidades.

Fotos: Divulgação