X
    Categories: Últimas

Primo rico do Polo, novo Audi A1 básico é vendido na Alemanha sem rádio e com calotas

Apresentado em junho, o novo Audi A1 chamou a atenção de sites especializados estrangeiros pela simplicidade da versão de entrada vendida na Alemanha. Custando a partir de 21.700 euros (cerca de R$ 100.500 em conversão direta), o compacto sai de fábrica com calotas e sem rádio no painel (uma tampa plástica ocupa o lugar do equipamento).

Para efeito de comparação, o A1 custa quase 7 mil euros (R$ 32.400) a mais que o Volkswagen Polo básico, modelo com o qual compartilha a plataforma, motorizações, entre outros componentes.

Entre os equipamentos de série do A1 “basicão” há rodas de aço de 15 polegadas, direção elétrica, ar-condicionado manual, bancos revestidos em tecido preto, faróis halógenos e painel digital com conexão Bluetooth e capaz de sintonizar rádios AM/FM. Um sistema de entretenimento mais completo custa a partir de 455 euros (R$ 2.100).

Por outro lado, o hatch compensa a falta de itens de conveniência com um pacote de segurança completo: seis airbags, freios a disco nas quatro rodas com ABS, controles de estabilidade e tração, alerta de colisão, limitador de velocidade e kit de primeiros socorros.

A exemplo das versões mais caras do “primo pobre” Polo, o A1 é equipado desde a configuração básica com o motor 1.0 TSI movido a gasolina, que rende 116 cv de potência e 20,4 kgfm de torque, combinado a uma caixa manual de seis marchas. De acordo com os dados de fábrica, o compacto acelera de 0 a 100 km/h em 9,5 segundos e atinge a velocidade máxima de 203 km/h.

Fotos: Divulgação

Redação: