Imagine-se com US$ 60 mil para comprar qualquer carro no mercado norte-americano. Entre as opções estão o BMW M3, o Chevrolet Corvette, o novo Audi TTS e até mesmo o Mercedes-Benz AMG C63. Todos com potência acima dos 400 cv. Porém, um comprador não identificado, preferiu adquirir uma réplica de um Bugatti Veyron.

O modelo foi construído utilizando um Mercury Cougar  2001 como base e, obviamente, não utiliza o poderoso motor W16 da Bugatti, mas sim o 3.0 V6 Duratec da Ford retirado de um Mercury Sable. Geralmente esse propulsor rende pouco mais de 200 cv, mas, segundo o anúncio colocado no eBay, ele recebeu algumas melhorias no sistema de admissão. O vendedor não revela a potência  total.

A carroceria foi construída em fibra de vidro e engana os olhos menos acostumados à imagem do Veyron, ao menos de longe. O interior do carro é inspirado no do Bugatti, mas é fácil perceber que se trata de uma imitação. Sendo assim, a única coisa que explica gastar US$ 59.900 (R$ 221 mil aproximadamente) em uma réplica é o poder de convencimento do seu anúncio: “você não vai acreditar o quão rockstar se é quando dirige este carro. Você vai parar o tráfego onde quer que vá”. Resta saber se o carro chama a atenção de maneira positiva ou negativa.

Fotos: ebay