O Chevrolet Sonic, que foi descontinuado no Brasil devido o baixo índice de venda, ganhará uma reestilização nos Estados Unidos. A apresentação oficial será durante o Salão do Automóvel de Nova York no fim do mês.

Por lá, o Sonic abandonou a frente peculiar, cujos faróis não contavam com a capa tradicional, deixando os projetores livres. A mudança deixou o carro com um estilo mais genérico, adotando o padrão visual global da marca. A vantagem é que ao menos agora o compacto poderá ter LEDs para uso diurno. A traseira também recebeu mudanças, largando as lanternas circulares para contar com retângulos.

Ainda não há informações sobre os motores, possivelmente mantenha o motor 1.8 Ecotec, mas, de acordo com a imprensa internacional, um propulsor 1.4 turbo de 140 cv seja adicionado. O interior também contará com mudanças, como um novo cluster, novos bancos, partida sem chave e volante aquecido. Entre os itens de segurança, o Sonic conta com sistema de alerta de colisão frontal, controle de estabilidade e tração, sistema park assist, câmera de ré e até 10 airbags.

Além disso, a nova geração do MyLink, com conexão aos sistemas Android Auto e Apple CarPlay, além de conexão 4G. Entre as novidade de acabamento, um pacote RS, que deixa o carro com aspecto mais esportivo.