08/08/2012 | 18:27
Caderno de Dicas e Serviços
Acabe com as dúvidas sobre rodízio de pneus
Troca de posições dos pneus pode aumentar a vida útil do quarteto e reduzir o consumo de combustível do veículo
Autor: Da redação/Foto: Divulgação
  • Facebook Facebook
  • Twitter Twitter
  • Myspace Myspace
  • Orkut Orkut
  • Bookmarks Bookmarks
Página: Acabe com as dúvidas sobre rodízio de pneus
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
Para enviar para mais de uma pessoa, separe os e-mail por ponto e vírgula
Seu Nome:
Seu Email:
Comentários:
Foto
Quem tem carro precisa cuidar da manutenção para evitar problemas. Mas quando o assunto é rodízio dos pneus, na maioria das vezes, a atenção dos motoristas passa longe -- isso quando a tarefa não é completamente esquecida. Como exemplo, você motorista tem ideia de como é feito o rodízio e a importância deste serviço? A maioria das pessoas não sabe responder a estas perguntas.

O rodízio consiste, resumidamente, na troca das posições dos pneus para garantir que eles se desgastem igualmente e consigam durar mais. A falta do rodízio pode gerar desgaste irregular, reduzir a vida útil do quarteto, além de elevar o consumo de combustível. Outros problemas decorrentes da não execução do serviço são avarias na suspensão, o que causa vibração na direção e dificulta a dirigibilidade do carro.

Para saber se o seu veículo está precisando fazer este tipo de serviço, consulte uma oficina especializada. “Fazer o rodízio com frequência permite que o desgaste dos pneus ocorra de maneira uniforme, equilibrando o desempenho em termos de dirigibilidade e frenagem”, explica José Carlos Quadrelli, Gerente Geral de Engenharia de Vendas da Bridgestone do Brasil.

E para que você não chegue na oficina e seja surpreendido pela explicação do consultor, aí vão algumas dicas.

1-) É importante garantir que todos os pneus passem por todas as posições para evitar os desgastes irregulares.

2-) É recomendado incluir o estepe nas trocas.

3-) O tempo ideal entre uma troca e outra consta no manual de instruções do veículo. Dependendo do tipo de pneu que equipa o carro, os rodízios devem ser feitos a cada 5.000 km e 8.000 km.

4-) Toda vez que for feito o rodízio, o veículo precisa passar por alinhamento, balanceamento e calibração dos pneus. A pressão ideal para a calibragem também está descrita no manual.

Abaixo uma imagem que mostra os tipos de rodízio. As linhas contínuas indicam as trocas de pneus recomendadas, enquanto as tracejadas são alternativas.



O esquema acima menciona apenas veículos equipados com tração traseira ou dianteira. No caso dos carros com sistema integral, o recomendado é fazer as trocas do quarteto como um “X” (caso não sejam unidirecionais). Outra observação é que para pneus com medidas diferentes nos dois eixos deve-se fazer o rodízio trocando os pneus do mesmo eixo entre si.
Publicidade
Publicidade
Central de Atendimento Carsale - (11) 3274 5900
Classificados
Carsale - Compra Coletiva
Blog Carsale
Rua Alcides de Queiroz , 401 - Bairro Casa Branca - CEP: 09015-550 / Santo André -SP
Copyright 2000-2014 Carsale.com.br - Todos os direitos reservados