Depois da picape média S10, agora é a vez do SUV compacto Tracker aderir ao visual escurecido da série especial Midnight da Chevrolet. Baseada na versão topo de linha Premier com o pacote de equipamentos 1 (R$ 100.990), a configuração chegará importada do México em outubro custando um pouco menos que os R$ 104.190 da Premier com o pacote 2 (adiciona os alertas de colisão frontal e de mudança involuntária de faixa, além dos airbags laterais e de cortina).

– Rodamos 1.000 km com a Chevrolet S10 Midnight

Disponível apenas na cor metálica preto Ouro Negro (que custa R$ 1.500 nas demais versões), o Tracker Midnight conta com a mesma tonalidade nas rodas de liga leve de 18 polegadas e nos emblemas da carroceria, que perde os detalhes cromados. O revestimento do teto e o couro dos bancos também na cor preta completam o visual invocado.

Entre os itens de série há airbags frontais, freios com ABS, chave presencial com partida do motor por botão no painel, central multimídia MyLink com tela tátil de 7 polegadas e compatibilidade com smartphones Android e Apple, sistema de concierge e monitoramento OnStar, teto solar elétrico, sistema start-stop, controles de estabilidade e tração, sensor de estacionamento traseiro, entre outros.

A motorização não sofre mudanças: 1.4 turbo flex, que entrega até 153 cv de potência e 24,5 kgfm de torque. A transmissão é automática de seis velocidades.

Tracker LT 1.4 turbo AT6 – R$ 89.290
Tracker Premier 1.4 turbo AT6 – R$ 100.990
Tracker Premier 2 1.4 turbo AT6 – R$ 104.190

Fotos: Guilherme Silva e Divulgação