A Renault Duster Oroch ganhará nos próximos meses uma versão equipada com tração 4×4 no mercado argentino. De acordo com o site Argentina Autoblog, o modelo feito no Brasil será, a princípio, exclusivo para o país vizinho. Protótipos da Duster Oroch 4WD já foram flagrados em teste nas proximidades da fábrica da Renault, em São José dos Pinhais (PR), mas ainda não há previsão de lançamento por aqui.

O site Autos Segredos divulgou no começo do ano que a produção das versões da picape e dos SUVs Captur e Duster equipadas com a motorização 2.0 16V flex chegaram a ser suspensas no segundo semestre de 2017 por não atenderem às normas de emissões do programa automotivo Inovar-Auto. Há seis anos, a Renault se comprometeu a reduzir em 12% as emissões de seus veículos para se beneficiar do desconto de 30% sobre o Imposto de Produtos Industrializados (IPI).

Na Argentina, o motor 2.0 16V da Duster Oroch 4WD é movido apenas a gasolina, entregando 143 cv de potência e 20,2 kgfm de torque. Como no Duster 4WD, o sistema de tração nas quatro rodas, com bloqueio de diferencial e acionado por um botão giratório no console central, é oferecido apenas com o câmbio manual de seis marchas.

A única mudança estética em relação às versões de tração dianteira são adesivos com a inscrição “4WD” nas laterais da caçamba.

Após o lançamento da Duster Oroch 4WD, será a vez da Renault estrear na Argentina, ainda em 2018, a picape média Alaskan. O modelo baseado na Nissan Frontier será produzido na fábrica de Córdoba.

Foto: Divulgação