Não há mais unidades novas dos modelos Viper e Dodge Challenger SRT Demon, aliás, os dois últimos foram leiloados pela empresa, que acabou arrecadando US$ 1 milhão, quase R$ 4 milhões em conversão simples. Parte do montante será destinado a United Way, instituição de caridade que atua em mais de 45 países. A Barrett-Jackson, casa responsável pelo leilão, também doará 10% do valor para a Associação Americana do Coração.

O Vipe contou com homenagens para a primeira geração do RT/10 com pintura vermelha e detalhes em fibra de carbono. O interior é revestido em couro preto e Alcantara, além da placa com número de identificação e o certificado de autenticidade. Sob o capô está o V10 8.4 de 653 cv acoplado a uma transmissão manual de seis marchas.

Já o Challenger, também é pintado de vermelho, mas o motor é o Hemi V8 6.2 Superhcarged de 851 cv. O 0 a 100 km/h do Demon é de 2,3 segundos. O banco do passageiro foi mantido, mas, assim como nos demais Demon, o banco traseiro foi retirado. Por fim, o Challenger vai com o chamado Demon Crate: pneus dianteiros específicos para corridas de arrancada e uma caixa de ferramentas específicas.