A General Motors apresentou nesta quinta-feira (21), em Atlanta, o novo Chevrolet Blazer, SUV que ressuscita o nome aposentado há 13 anos nos Estados Unidos. Com visual nitidamente inspirado no esportivo Camaro, o modelo ficará posicionado entre o Equinox e o Traverse no mercado norte-americano. Não há informações se o Blazer será vendido no Brasil.

Bem diferente do utilitário esportivo vendido no Brasil entre 1995 e 2011, o novo Blazer tem linhas agressivas, repletas de vincos e linha de cintura alta. A dianteira segue o estilo da última reestilização do Camaro, com grade de tamanho avantajado e faróis pequenos. A traseira segue um visual mais genérico com lanternas horizontais invadindo a tampa do porta-malas.

Já o interior é praticamente idêntico ao do Camaro, com painel de instrumentos digital, central multimídia com tela tátil flutuante e saídas do ar-condicionado redondas.

O Blazer será lançado nos Estados Unidos em 2019 com duas motorizações a gasolina: 2.5 de quatro cilindros de 193 cv de potência e 3.6 V6 de 305 cv, ambas combinadas a um câmbio automático de nove velocidades e tração dianteira.

O SUV terá também versões com tração integral com diferencial de dupla embreagem e diferentes modos de condução para o melhor desempenho em diferentes condições de piso.

A lista de equipamentos será bem farta, com a oferta de controle de cruzeiro adaptativo, porta-malas com abertura elétrica, carregador de celular sem fio, central multimídia com seis portas USB, faróis de LED, entre outros.

Fotos: Divulgação