A Volvo começa a disputar no Brasil um dos segmentos mais importantes no mercado premium, o de SUVs compactos. O responsável pela estreia é o XC40, que chega ao país em três versões e duas opções de motorização (T4 2.0 litros de 192 cv e 30,6 kgfm e T5 2.0 litros de 254 cv e 38,6 kgfm de torque). Os preços vão de R$ 169.950 a R$ 214.950.

Em termos de visual, o XC40 mantém o design da marca, inclusive com o icônico “Martelo de Thor” nos faróis. Porém, as linhas mais robustas passam a impressão de um veículo menor do que de fato é – são 4,42 metros de comprimento, 2,70 m de entre-eixos e 2,03 de largura. Por dentro, há espaço para até cinco ocupantes com certo conforto. Chama a atenção o aproveitamento de todas as partes da cabine e a quantidade de porta-objetos.

Durante o lançamento em Itajaí, Santa Catarina, a Volvo disponibilizou apenas as configurações com motor T5. O Carsale teve a oportunidade de dirigir o XC40 Momentum por um trecho de 170 km de rodovia.

O XC40 Momentum herda o motor T5 do irmão maior. Em conjunto com a transmissão automática de oito velocidades, o propulsor 2.0 turbo com injeção direta e 254 cv empurra os 1.762 kg do SUV da inércia até os 100 km/h em 6,5 segundos. O conjunto trabalha em sintonia apurada, mas o tempo de reação a uma aceleração mais firme, que exige uma redução de marcha, poderia ser melhor. Porém, os quilos a menos em relação ao XC60 garantem excelente desempenho ao SUV compacto.

O XC40 é mais um dos modelos que denunciam a má qualidade do nosso asfalto. A suspensão tem boa calibração e garante ótima estabilidade, porém, como é mais firme comparada a dos demais SUVs da marca não consegue filtrar tão bem as imperfeições no nosso solo, transmitindo-as para os passageiros. Já a direção elétrica é bem direta, mas fica devendo um refinamento na calibração em velocidades mais altas, uma vez que o volante fica leve demais nessa situação.

Bem equipado, espaçoso, bom desempenho e preço menor que a concorrência, o Volvo XC40 tem tudo para confirmar a desenvoltura alcançada durante a pré-venda (1.000 unidades reservadas) e se tornar o carro mais importante da marca no Brasil.

Ficha técnica
 
CarroceriaMonobloco em aço, cinco portas, cinco lugares
MotorDianteiro, transversal, turbocompressor, injeção direta de combustível, duplo comando variável de válvulas acionado por correia, a gasolina
Número de cilindros4 em linha
Número de válvulas16
Taxa de compressão10,8:1
Cilindrada1.969 cm³
Potência 254 cv a 5.500 rpm
Torque38,6 kgfm entre 1.800 e 4.800 rpm
TransmissãoAutomática de oito marchas
TraçãoIntegral
DireçãoElétrica
Suspensão dianteiraIndependente McPherson com molas helicoidais, amortecedores hidráulicos e barra estabilizadora
Suspensão traseiraSuspensão independente com molas helicoidais, amortecedores hidráulicos e barra estabilizadora
Freios dianteirosDiscos ventilados com ABS e EBD
Freios traseirosDiscos sólidos com ABS e EBD
Tanque de combustível 54 litros
Volume do porta-malas 460 litros
Altura1,65 m
Comprimento4,42 m
Largura1,86 m
Entre-eixos 2,70 m
Peso em ordem de marcha1.762 kg
0 a 100 km/h 6,4 segundos
Velocidade máxima230 km/h

Imagens: Divulgação