Com quatro décadas de existência, o Lada Niva, atualmente chamado apenas de 4×4, continua sendo uma opção de utilitário em produção no mercado russo – ainda que pouco lembrado mundialmente. Para enfatizar que o modelo continua vivo, a fabricante pertencente a empresa estatal russa AvtoVAZ divulgou uma novidade para a linha 2018 do jipinho.

Trata-se de uma pintura especial com o estilo de camuflagem, oferecida como opcional por 29 mil rublos, o equivalente a R$ 1.635 em uma conversão simples, levando em consideração apenas o câmbio desta segunda-feira (9). A pintura é acompanhada de rodas escurecidas. Para efeito de comparação, o preço inicial do veterano Lada 4×4 é de 534.900 rublos (cerca de R$ 30 mil), enquanto o Dacia Duster parte de 671.900 rublos (R$ 37.900).

Desde o seu lançamento, o jipe da Lada recebeu poucas atualizações, permanecendo praticamente inalterado, com exceção da troca do nome e da oferta de ar-condicionado e discretos retoques estéticos.

Vale lembrar ainda que a Lada comercializou carros no Brasil no início dos anos 1990, quando as importações foram reabertas pelo governo do ex-presidente Fernando Collor de Mello. Recentemente, a marca russa voltou a vender carros em Cuba 12 anos depois de interromper as exportações para o país caribenho. O portfólio da Lada conta atualmente com  sete modelos, incluindo o 4×4.

Imagens: Divulgação