A Volkswagen anunciou nesta terça-feira (3) que investirá R$ 2 bilhões para o desenvolvimento e a produção do SUV compacto T-Cross em sua fábrica de São José dos Pinhais (PR). O modelo é o primeiro utilitário esportivo produzido pela marca no Brasil. O anúncio foi feito durante cerimônia na unidade de produção paranaense, que contou com as presenças de Pablo Di Si, Presidente e CEO da Volkswagen América do Sul e Brasil, e autoridades locais.

A quantia contempla a ampliação da fábrica, modernização da manufatura, testes de certificação e validação do produto, desenvolvimento local de peças e qualificação de pessoal, além de ações para o lançamento do modelo no Brasil. O valor faz parte do plano de investimentos da empresa no Brasil, que prevê R$ 7 bilhões até 2020.

A produção do T-Cross começa em janeiro de 2019. O lançamento no mercado brasileiro e exportações aos principais mercados nas Américas do Sul e Central, além do Caribe, está programado para o primeiro semestre do ano que vem. Inspirado no conceito T-Cross Breeze (foto acima), o SUV será construído a partir da plataforma modular MQB, a mesma do Golf. Detalhes mecânicos ainda não foram revelados.

Dos 20 lançamentos prometidos até 2020, quatro já foram lançados: o novo Polo e o sedã Virtus, produzidos em São Bernardo do Campo (SP); a picape Amarok V6, importada da Argentina; e o Passat 2018, feito na Alemanha. A empresa também acabou de anunciar para este mês de abril a chegada do Novo Tiguan, importado do México, que será o primeiro dos cinco SUVs previstos para os próximos dois anos.

Fotos: Divulgação