Mercedes-Benz apresenta versão de quatro portas do AMG GT para brigar com Porsche Panamera

A Mercedes-Benz finalmente revelou configuração de quatro portas do esportivo AMG GT. O AMG GT4 foi apresentado no Salão de Genebra e chegará inicialmente ao mercado europeu para competir diretamente com o Porsche Panamera. O cupê de quatro portas será oferecido em três versões dotadas de tração integral: GT53 4MATIC+, GT63 4MATIC+ e GT63 S 4MATIC+.

A versão mais poderosa do AMG GT4 é equipada com o motor 4.0 V8 biturbo de 639 cv de potência e absurdos 91,77 kgfm de torque máximo. O AMG GT63 S atinge os 100 km/h em apenas 3,2 segundos e a velocidade máxima é de 315 km/h. A transmissão é a automática de nove velocidade com embreagens múltiplas.

No caso da configuração intermediária GT63, que utiliza o mesmo motor retrabalhado para 585 cv e 81,58 kgfm, os 100 km/h são atingidos em 3,4 segundos e a velocidade máxima é de 310 km/h. As duas variantes V8 são equipadas o sistema que desativa quatro cilindros quando o modo de condução Comfort é acionado para economizar combustível. O câmbio é o mesmo da GT63 S.

Já a versão GT53 conta com um conjunto híbrido plug-in que combina um seis-em-linha de 3.0 litros turbo a gasolina a um um motor elétrico, somados geram 435 cv. O motor a combustão também conta com um compressor elétrico para agilizar a resposta do turbo. O 0 a 100 km/h é feito em 4,5 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 285 km/h. A transmissão é a automática de nove marchas com conversor de torque.

As versões V8 do AMG GT4 contam com suspensão a ar com molas de aço e amortecedores adaptativos. O esterçamento das rodas traseiras é padrão nas configurações 63, enquanto a opção de seis cilindros conta com o sistema como opcional.

No interior, o grande destaque está nas telas configuráveis da central multimídia e do painel de instrumentos presente na configuração topo de linha. Na versão de entrada, o AMG GT4 tem painel de instrumentos convencional, mas mantém a grande tela da multimídia.

Redação: