Apostando em uma linha baseada em SUVs e crossovers, a Renault trabalha no desenvolvimento de um modelo com perfil de cupê para mercados emergentes. O novo utilitário esportivo será lançado primeiro na Rússia em agosto, durante o Salão de Moscou, mas já está confirmado para chegar ao Brasil, China e Coreia do Sul no ano que vem.

O modelo ainda é mantido em segredo, mas a Renault confirma que ele será comercializado no segmento C (SUVs médios), posicionado acima de Duster e Captur.

Como aconteceu com o Captur no Brasil, o novo SUV poderá ser uma adaptação de um modelo que já existe na Europa. O Kadjar, lançado no Velho Continente em 2015, se encaixa na atual estratégia da Renault de produzir carros com o mesmo desenho, porém, com especificações estruturais e de equipamentos diferentes.

Se na Europa o Kadjar é feito sobre a plataforma modular CMF (a mesma da última geração do Megane), nos mercados emergentes o SUV será construído a partir da arquitetura B0 (a mesma de Duster e Captur) para reduzir custos de produção. No entanto, essa estratégia compromete o refinamento técnico do produto, mas atende aos requisitos mínimos de segurança exigidos pelo governo.

Fotos Renault Kadjar: Divulgação