Prestes a ser lançado no Brasil, o Fiat Cronos já pode ser reservado em regime de pré-venda na Argentina, onde é fabricado. O sedã tem preço inicial de 321.300 pesos (cerca de R$ 55.600 em conversão direta) na versão de entrada Drive 1.3 com câmbio manual. A configuração Precision 1.8 manual parte de 357 mil pesos (R$ 61.800) e chega a 412 mil (R$ 71.300) com o acréscimo da transmissão automática.

Por ser maior e mais pesado que o Argo, o sedã não terá a opção de motor 1.0. Na Argentina, o Cronos Drive será equipado com o propulsor Firefly 1.3 de 99 cv de potência e câmbio manual cinco marchas. Já a versão Precision leva sob o capô o motor e.torq 1.8 de 130 cv, conectado à caixa manual ou ao câmbio automático de seis velocidades. As duas motorizações são movidas apenas a gasolina.

As listas de itens de série não foram divulgadas, mas o sedã deverá seguir o mesmo padrão de equipamentos do Argo.A exemplo do Volkswagen Virtus, que tem entre-eixos alongado em relação ao Polo, o Cronos terá a estrutura adaptada em comparação ao Argo para ampliar o espaço da cabine e garantir um porta-malas com capacidade próxima dos 520 litros.

No Brasil, o Cronos poderá oferecer o câmbio automatizado de cinco marchas na versão Drive 1.3 como acontece com o Argo – configuração que acrescenta os controles de tração e estabilidade no pacote de série.Por aqui, o modelo será equipado com as mesmas motorizações oferecidas na Argentina, porém, mais potentes por conta do uso do etanol. Como no Argo, o motor 1.3 gera 101/109 cv (gasolina/etanol), enquanto o 1.8 entrega 135/139 cv.

Previsto para estrear no mercado brasileiro em fevereiro, o Cronos deverá custar entre R$ 55 mil  e R$ 75 mil.

Fotos: Divulgação