O Chevrolet Equinox será lançado no Brasil no último trimestre do ano para substituir o Captiva e estrear a versão Premier, a mais sofisticada da marca no mercado norte-americano. Segundo Gabriela Belini, gerente de Design da General Motors, “ela é caracterizada pela ampla aplicação de materiais nobres, itens de alta tecnologia e alto nível de refinamento interno e externo do veículo”. O SUV deverá custar na faixa dos R$ 150 mil para competir com o Hyundai New Tucson e as versões a diesel do Jeep Compass.

Disponível na nova geração de carros de passeio da Chevrolet nos Estados Unidos, a versão Premier é identificada pelo emblema específico na tampa traseira dos modelos.

O Equinox Premier, que já é vendido no mercado norte-americano, chegará ao Brasil com bancos e painel revestidos de couro perfurado e costuras duplas. O acabamento interno conta com materiais macios ao toque nas áreas de contato, como os apoios de braço laterais e centrais e nas portas. As superfícies são destacadas pelo uso de peças nas cores cinza e preto.

Para dar um ar de sofisticação, o painel recebe detalhes com metalização acetinada nas saídas do ar-condicionado de duas zonas, nas molduras do quadro de instrumentos, no console e no volante revestido de couro.

Equipamentos
O banco do motorista possui regulagem elétrica com memórias, enquanto o sistema de áudio traz alto-falantes de alta definição da marca Bose. O ar-condicionado conta com saídas para os ocupantes do banco traseiro e a possibilidade de acionamento remoto com a ignição para que a cabine inicie seu processo de refrigeração antes mesmo do embarque dos passageiros. A tampa do porta-malas com acionamento elétrico por sensor de movimento e tecnologia de carregamento sem fio de smartphones são outros recursos presentes no Equinox Premier, que será ofertado em pacote único.

O Equinox Premier é equipado com faróis Full LED inteligentes e o teto solar panorâmico com acionamento elétrico e rodas de liga leve de 19 polegadas com acabamento diamantado. O mesmo efeito cromado se aplica nos insertos dos para-choques e nas duas ponteiras aparentes do escapamento (uma em cada lado do veículo).No quesito segurança, o SUV é equipado com frenagem automática de emergência; alertas sensorial, luminoso e sonoro de colisão; assistente de permanência na faixa e de estacionamento; alerta de ponto cego.

O SUV é movido pelo mesmo motor de quatro cilindros 2.0 turbo a gasolina da versão de entrada do Camaro vendido na América do Norte. No Equinox, o propulsor de 262 cv de potência é acoplado a uma transmissão automática de nove marchas. A tração é integral do tipo AWD (All Wheel Drive). Segundo os dados de fábrica, o Equinox atinge os 100 km/h em 7,2 segundos.

Fotos: Divulgação