Segundo maior evento automotivo da América do Sul (atrás apenas do Salão do Automóvel de São Paulo), o Salão de Buenos Aires 2017 abre as suas portas para a imprensa na próxima sexta-feira (9), prometendo ser a edição mais interessante de todos os tempos. A mostra, realizada a cada dois anos, sempre foi restrita a lançamentos locais, mas desta vez será o palco de novidades que também serão lançadas em outros países do continente. Confira abaixo os modelos que estrearão em breve no Brasil:

Renault KwidO novo carro de entrada da Renault já começou a ser divulgado pela marca, uma vez que será lançado no Brasil em julho como uma espécie de SUV subcompacto. Com altura em relação ao solo e espaço interno superiores aos dos concorrentes, o Kwid brasileiro será vendido com o motor 1.0 de três cilindros recém-lançado no Sandero e Logan. Diferentemente do modelo fabricado na Índia, que deu vexame nos testes de segurança da região, o Kwid nacional recebeu mais de 100 kg em reforços estruturais e será equipado de série com airbags laterais em todas as versões.

Ford EcoSport 2018Apresentado no Salão de Detroit no começo do ano, o Ford EcoSport reestilizado será lançado oficialmente na América do Sul durante o salão portenho. Além do visual atualizado, o SUV compacto terá como principais novidades o novo motor Dragon 1.5 flex de três cilindros de 137 cv, que substitui o Sigma 1.6 nas versões de entrada. Já as configurações mais caras serão equipadas com o Duratec 2.0 flex com injeção direta do Focus, que rende até 178 cv com etanol. Outra mudança no EcoSport é a adoção de um câmbio automático de seis marchas no lugar do automatizado PowerShift de dupla embreagem. Além disso, o “Eco” ganha a nova central multimídia SYNC com tela sensível ao toque, entre outras funções.

Chevrolet EquinoxOutro modelo confirmado para o Brasil no começo do ano, o Chevrolet Equinox chega no segundo semestre para substituir o Captiva no segmento de SUVs médios – e concorrer com modelos como o Jeep Compass, Hyundai New Tucson, entre outros. Construído sobre a plataforma do novo Cruze, o modelo possui uma versão de sete lugares e compartilha diversos componentes com o sedã/hatch médio. Uma das motorizações a gasolina previstas para o Brasil é a 1.5 turbo de 173 cv, associada a um câmbio automático de seis marchas. É possível que a 2.0 turbo de 255 cv também seja oferecida por aqui com a opção de tração integral.

Volkswagen Tiguan AllspaceA versão de sete lugares da nova geração do Tiguan já roda em testes no Brasil, onde será lançada no segundo semestre, mas fará a sua estreia na América do Sul no Salão de Buenos Aires. O Tiguan Allspace é equipado com o conhecido motor 2.0 TSI de 220 cv e transmissão DSG de dupla embreagem. É possível que a Volks ofereça a tração integral como opcional.

Renault AlaskanA primeira picape média da marca francesa é baseada na nova Nissan Frontier, que já estreou no Brasil. A Alaskan deve chegar ao mercado nacional no ano que vem para inserir a Renault no segmento dominado pelas tradicionais Toyota Hilux e Chevrolet S10. A mecânica é a mesma da Frontier: motor 2.3 turbodiesel de 190 cv e câmbio automático de sete marchas e sistema de tração 4×4 com reduzida.

Fotos: Divulgação