A Ford anuncia nesta quinta-feira (4) o início do atendimento do recall envolvendo o sedã Fusion, modelos 2013 a 2016, devido a uma falha nos cintos de segurança. O recall foi divulgado em 20 de janeiro deste ano e trata de um problema no mecanismo de pré-tensionamento dos cintos de segurança dianteiros (confira os chassis abaixo). Estão envolvidas cerca de 20 mil unidades do sedã.

De acordo com o comunicado da marca do oval azul, em eventual colisão do veículo, o cabo de fixação do mecanismo de pré-tensionamento dos cintos de segurança dianteiros fica exposto a altas temperaturas geradas pelo acionamento do pré-tensionador do cinto, o que pode diminuir a resistência do cabo à tração. Em caso de colisão, há riscos para os ocupantes.

A orientação para os proprietários dos modelos envolvidos é que agendem um horário em uma das concessionárias para a correção do problema. Na ocasião será feita a aplicação de um revestimento isolante para proteger o cabo de fixação do mecanismo de pré-tensionamento dos cintos de segurança dianteiros das altas temperaturas geradas pelo acionamento deste mecanismo. O serviço é gratuito e tem duração aproximada de duas horas. Para mais informações, a Ford disponibiliza o telefone 0800 703 3673.

Fotos: Divulgação