A Audi anunciou que sete unidades do sedã A4, modelo 2017, fabricadas entre 18 de julho e 25 de agosto de 2016, apresentam um problema no cinto de segurança dianteiro e precisarão trocar o item de segurança.

Segundo o comunicado, houve uma falha na montagem do cinto de segurança que pode impedir o tensionamento do cinto em caso de acidente, podendo levar a lesões graves aos ocupantes em caso de colisão.

A campanha preventiva engloba os chassis não sequenciais de WAU_F4038003 a WAU_F4058379. Mais informações podem ser obtidas no telefone 0800-777-2834 e no site www.audi.com.br.