A sexta geração do Mustang foi apresenta no início do mês na variante cupê após passar por uma reestilização. Agora, a Ford aproveita para revelar também as novidades para o Mustang conversível, que tem estreia confirmada no mercado norte-americano em setembro deste ano.

Começando pelas novidades mecânicas, o Mustang conversível reestilizado terá duas opções de motores (2.3 litros EcoBoost e 5.0 litros V8) que poderão ser associadas, opcionalmente, a uma transmissão automática de 10 velocidades. Outros destaques ficam por conta da suspensão com amortecedores magnéticos MagneRide e válvula ativa de escapamento que permite controlar o ronco do motor — disponíveis na versão GT.

Em termos de tecnologias voltadas à segurança, o esportivo traz assistência de frenagem autônoma com detecção de pedestres. Na cabine, o chamariz é o painel de instrumentos digital de com tela de 12 polegadas pode ser personalizado.

O visual da parte traseira do Mustang exibe uma superfície mais plana para abrigar o compartimento da capota retrátil e lanternas de LED. Na dianteira, nota-se que o capô foi rebaixado e há novas entradas de ar, faróis de LED alongados e grade mais larga. O modelo vai oferecer ainda 12 opções de rodas e três novas cores da carroceria.

Fotos: Divulgação