Um funcionário público da província de Misiones, na Argentina, foi exonerado após publicar um vídeo nas redes sociais agradecendo aos contribuintes “e a todos os que pagam seus impostos”. De acordo com a gravação de Ariel Camacho, os tributos que pagavam os seus salários lhe permitiram comprar o carro dos seus sonhos.

Segundo a imprensa argentina, Camacho comprou um Volkswagen Golf GTI por US$ 48.600, o equivalente a R$ 155.600 em conversão direta.

Como era de se esperar, a divulgação do vídeo foi bastante criticada e causou indignação entre os argentinos. Segundo o governador da província, Oscar Herrera Ahuad, “a gravação foi ofensiva e desagradável ao povo de Misiones”. “Não me importa se foi uma brincadeira ou qualquer coisa do tipo. Assumo a responsabilidade deste assunto (a exoneração do funcionário) sem me importar com os custos políticos”, reiterou o governador.