Um estudo feito nos Estados Unidos mostrou que 40,3% dos compradores do novo Chevrolet Corvette pagaram os seus carros à vista, enquanto 56,9% dos clientes adquiriram o esportivo por meio de financiamentos. O levantamento feito pela Experian, multinacional especializada na gestão de informações, utilizou um banco de dados com cerca de 32 mil registros de compra do Corvette no mercado norte-americano.

No caso do Camaro, outro esportivo da Chevrolet, apenas 13,4% dos compradores pagam à vista, sendo que 79,3% dos consumidores apelam para financiamentos e 7,3% adquirem o muscle car por meio de leasing.

“Com o Corvette e o Viper no topo dos esportivos analisados, não nos surpreende que uma parcela maior de compradores tenha pago esses carros à vista. Descobrimos que esses clientes tiveram a maior pontuação de crédito, o que pode indicar que eles têm mais renda disponível”, disse Melinda Zabritzki, diretora sênior de Finanças Automotivas da Experian.

Segundo a pesquisa, há outras razões que podem explicar o fato de boa parte dos compradores do Corvette pagarem à vista. Por ser um modelo mais caro que outros esportivos, como Camaro e Ford Mustang, o Corvette é visto por algumas pessoas como um carro que tende a desvalorizar menos e que elas pretendem manter por mais tempo, enquanto Camaro e Mustang são considerados modelos de uso diário que serão substituídos em um prazo menor.

Foto: Divulgação