A Hyundai CAOA, responsável pela comercialização da linha de importados da marca sul-coreana, anuncia a chegada da nova geração do sedã médio Elantra ao mercado brasileiro. O modelo, chamado de New Elantra, começa a ser vendido esta semana em três configurações, com preço inicial de R$ 84.990. A versão intermediária Special Edition (R$ 103.990) e Top (R$ 114.990) completam a gama.

Totalmente renovado, o sedã traz a nova identidade visual da Hyundai, com grade frontal redesenhada, além de novos faróis e lanternas e interior renovado. A marca diz que o acabamento interno do New Elantra foi melhorado com o uso de materiais de qualidade superior. Diferentemente do carro das fotos, o modelo vendido no Brasil terá um par de faróis de neblina convencionais no lugar do conjunto de LED do modelo comercializado nos Estados Unidos.

De série, o sedã traz direção elétrica, espelhos externos com aquecimento, ar-condicionado, piloto automático, seis airbags, ganchos Isofix para a fixação de cadeirinhas infantis e sistema de som com comandos no volante.

A configuração Special Edition acrescenta botão de partida no painel, tampa do porta-malas por aproximação, bancos revestidos de couro, central multimídia com tela tátil de 7 polegadas com GPS, Bluetooth e câmera de ré, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, banco do motorista com ajustes elétricos e suporte lombar, sensor de chuva, volante e manopla do câmbio revestidos de couro e faróis com fita de luz diurna em LED.

Já a versão Top traz todos os itens das outras configurações, adicionando detector de ponto cego, controle eletrônico de estabilidade, faróis de xenônio com função inteligente para o facho alto, teto solar elétrico, painel de instrumentos com tela digital de 4,2 polegadas, airbag para os joelhos do motorista, espelhos com rebatimento elétrico e modo de seleção de condução.

Todas as versões do New Elantra são equipadas com o motor 2.0 flex, que desenvolve 157/167 cv de potência a 6.200 rpm e 19,2/20,6 kgfm de torque a 4.700 rpm (gasolina/etanol). A transmissão é sempre a automática de seis velocidades.

Fotos: Divulgação