A Fiat apresentou nesta quinta-feira (15) a linha 2017 do Uno. O modelo é o responsável pela estreia dos novos motores Firefly do Grupo FCA: 1.0 litro de três cilindros e 1.3 litro de quatro cilindros, que serão produtos globais da marca.

A mudança de motores fez bem ao Uno, que ficou mais econômico, garantindo a nota A no Programa de Etiquetagem Veicular do Inmetro. O bloco de 1.0 litro, que rende 72/77 cv de potência e 9,2/10,4 kgfm de torque (gasolina/etanol), registra consumo de 9,2 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada quando abastecido com etanol. Com gasolina no tanque, o compacto tem médias de 13,1 km/l e 15,1 km/l nos mesmos ciclos de rodagem, respectivamente.

Já o bloco de 1.3 litro, que gera 101/109 cv de potência e 13,7/14,2 kgfm (gasolina/etanol) faz até 9,2 km/l na cidade e 10,1 km/l na estrada com etanol. Abastecido com gasolina, o Uno 1.3 atingiu 12,9 km/l no ciclo urbano e até 14 km/l em regime rodoviário.

Fotos: Divulgação