A preparadora norte-americana Underground Racing revelou o primeiro Audi R8 2017 biturbo do mundo. Segundo a empresa, a potência do motor 5.0 V10 do superesportivo pode variar de 811 cv a mais de 2.200 cv, dependendo da preparação que o cliente escolher.

Originalmente, o propulsor do R8 V10 Plus entrega 610 cv, suficientes para levar o bólido da imobilidade aos 100 km/h em 3,2 segundos e à velocidade máxima de 330 km/h. A Underground Racing, no entanto, não anunciou os dados de desempenho da versão preparada.

Sabe-se apenas que por US$ 49 mil (cerca de R$ 159 mil em conversão simples) é possível “acrescentar” 201 cv extras ao motor do superesportivo. Os outros três estágios de preparação elevam a potência para 912 cv (com combustível de corrida) e custa US$ 59 mil (R$ 191 mil); 861 cv (US$ 69 mil ou R$ 224 mil) para rodar com gasolina convencional e 1.013 cv com combustível especial para pistas. O último estágio permite ao V10 gerar 1.013 cv com gasolina e 1.267 cv com combustível de competição. A partir dessa fase, o motor precisa passar por modificações mais severas.

Por fim, as duas sintonias mais impressionantes. A versão TT, que entrega 1.165 cv com gasolina e 1.520 cv com aqueles usados nas disputas profissionais. Já o estágio variante TTx gera 1.216 cv com gasolina de 93 octanas e 2.230 cv com a gasolina especial.

Fotos: Divulgação