Quem acompanha meu trabalho e lê minhas colunas aqui no Carsale certamente já percebeu que valorizo muito o carro que tem todas as revisões feitas em concessionária — embora eu não desconsidere aqueles que comprovam manutenções em oficinas particulares.

Em ambos os casos, esses carros têm donos cuidadosos, que sabem da importância das manutenções preventivas para a boa vida útil do veículo.

Mas você arriscaria dizer qual das duas opções eu pratico com meus próprios carros? Vou dar minha opinião sobre o que acho desses serviços, e ao final da coluna revelo minha preferência.

REVISÕES EM CONCESSIONÁRIAS

  • VANTAGENS: Somente profissionais qualificados e peças originais entrarão no seu carro. Caso o veículo ainda esteja no prazo de garantia, a revisão dará continuidade a esse benefício. Os carimbos das revisões no Manual do Proprietário valorizam seu carro numa possível negociação de venda.
  • DESVANTAGEM: O preço do serviço é, em média, mais caro do que em uma oficina particular.
  • CUIDADOS: Em alguns casos, os atendentes são comissionados por venda de serviços adicionais, assim como os mecânicos, pela venda de peças. Por isso, não são raros os casos de “empurroterapia” de itens dispensáveis. Vale ficar atento a isso!

REVISÕES EM OFICINAS PARTICULARES

  • VANTAGENS: Relacionamento mais estreito com o profissional. Preço do serviço, em média, é menor que o praticado nas concessionárias. Geralmente também há mais flexibilidade no horário de atendimento.
  • DESVANTAGENS: Nem sempre são usadas peças originais. Nem sempre o profissional tem total conhecimento do carro que está operando. Nem sempre o profissional usa ou tem as ferramentas adequadas para cada tipo de serviço. As revisões não são aceitas pelo fabricante para efeitos de manutenção de garantia veicular.
  • CUIDADOS: Certifique-se de deixar seu carro com um mecânico experiente, que realmente saiba o que está fazendo. Peça em fóruns de internet, para proprietários de carros iguais ao seu, indicação de oficinas de confiança. A “empurroterapia” também vigora nesses estabelecimentos — especialmente em centros automotivos. Por isso, claro, opte sempre por profissionais honestos, que só fazem o que é preciso.

Diante desses cenários, confesso que nunca fiz revisão em uma concessionária em qualquer um dos meus carros. O motivo? Principalmente o preço do serviço, algo que sempre me afugentou.

Conheço ótimos profissionais, com muita experiência e conhecimento de mecânica, que fazem um excelente serviço por um valor bem mais atrativo.

A falta dos carimbos no Manual do Proprietário é substituída por notas fiscais de serviço, que eu sempre lembro de arquivar para apresentar a um futuro comprador.

Para quem tem dúvida sobre os trabalhos realizados em cada intervalo de manutenção, recomendo consultar o cronograma no próprio Manual.

Repare que todas as desvantagens — com exceção da garantia do fabricante — de uma oficina particular podem ser facilmente contornadas com a escolha de um bom profissional.

De qualquer forma, a decisão final é sempre sua, naturalmente.

Até a próxima!
Felipe Carvalho é o primeiro caçador profissional de carros do Brasil. Acesse o site www.cacadordecarros.com.br e saiba mais. Inscreva-se no canal do Caçador de Carros no YouTube e curta a página de Felipe no Facebook.