A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) e o Google anunciaram nesta quarta-feira (4) uma parceria para o desenvolvimento de carros autônomos. O modelo escolhido para receber a tecnologia de direção autônoma do Google é a minivan Chrysler Pacífica híbrida (foto abaixo).

“Trabalhar com a Google representa para a FCA uma oportunidade de parceria com uma das companhias líderes mundiais em tecnologia para acelerar o ritmo da inovação na indústria automobilística”, disse Sergio Marchionne, CEO da FCA. “A experiência que ambas as empresas vão acumular será fundamental para trazer soluções tecnológicas no setor automotivo, de grande impacto e benefício para os consumidores”, acrescentou.

Minivan Chrysler Pacífica híbrida será o primeiro carro da parceria entre a FCA e o Google

A FCA irá desenvolver inicialmente 100 unidades do modelo especificamente para esse experimento. As minivan em questão receberão um conjunto de sensores e computadores necessários para a condução autônoma.

Os carros serão colocados para rodar em testes ainda este ano, primeiramente em um campo de provas antes de circular em vias públicas. No comunicado oficial, a Fiat faz questão de ressaltar que as responsabilidades de engenharia serão compartilhadas com base no conhecimento específico de cada companhia.

Vale ressaltar que o Google também mantém outras parcerias para desenvolvimento de carros autônomos. Durante os sete anos do projeto, os veículos da frota de teste dirigiram de forma autônoma 2,4 milhões de quilômetros em vias públicas, e estão atualmente sendo testados nos Estados Unidos em Mountain View (Califórnia), Austin (Texas), Kirkland (Washington) e Phoenix (Arizona).

Para se ter uma ideia, os carros autônomos são capazes de evitar mais de 33 mil mortes que ocorrem a cada ano nas rodovias dos Estados Unidos, 94% das quais causadas por erros humanos.

Foto: Divulgação