Em entrevista ao site australiano CarAdvice, Ola Källenius, chefe de Marketing e Vendas da Daimler, deu alguns detalhes da futura picape que a Mercedes-Benz vai lançar no final de 2017. Por ora chamado de Classe X, o modelo terá desde configurações voltadas ao trabalho até variantes mais sofisticadas e com apelo mais luxuoso. Segundo o executivo, a picape receberá a mesma qualidade de acabamento e nível de conforto dos carros da Mercedes-Benz.

Questionado sobre a possibilidade de a marca criar versões mais nervosas da Classe X, Källenius foi categórico ao dizer que “a demanda por essas variantes é virtualmente inexistente”, mas admitiu que a picape poderá ser equipada com itens meramente estéticos da divisão de alto desempenho AMG, sem alterações na parte mecânica.

Källenius disse ainda que a Classe X terá como concorrente a Volkswagen Amarok, mirando os clientes da África, América do Sul, Austrália e até mesmo da Europa. A marca ainda estuda a oferta do modelo nos Estados Unidos, onde seria considerada pequena para os padrões daquele mercado.

A Classe X será apresentada na forma de conceito no Salão de Paris, em outubro. O lançamento do modelo está previsto para o final de 2017 para estrear um novo segmento de picapes de luxo. Ela será baseada na nova geração da Nissan Frontier, da qual utilizará o chassi, o sistema de tração 4×4 e o motor de 2.3 litros turbodiesel. Rumores afirmam que a Classe X terá versões equipadas com o bloco de seis cilindros turbodiesel do SUV GLE nas versõs topo de linha.

Imagem: Divulgação