O DS3 acaba de passar pela segunda reestilização em dois anos. O compacto agora exibe a identidade visual exclusiva da DS, a submarca de luxo da Citroën . As novidades estão principalmente na dianteira, que ganhou uma nova grade em formato hexagonal com acabamento cromado.

A traseira recebeu menos mudanças, como o para-choque redesenhado e o logotipo da DS na tampa do porta-malas. De acordo com a Citroën, as pinturas do teto permitem dez diferentes combinações com as cores dos retrovisores e 78 com as da carroceria. Já a capota da versão conversível pode ser personalizada com quatro tipos de tecidos.

Porém, a principal novidade é versão Performance, que mantém o motor 1.6 THP, otimizado para entregar 211 cv de potência e expressivos 30,5 kgfm de torque. A variante também conta com freios de alto desempenho, escape duplo e suspensão mais baixa. Na Europa, o câmbio manual continua sendo oferecido, assim como opções de transmissões automática e automatizada.

Entre os itens de série estão ar-condicionado digital, câmera de ré, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, além de um sistema de frenagem de emergência autônomo. O interior conta com uma nova central multimídia de sete polegadas sensível ao toque.

Fotos: Divulgação