O conhecido e exaltado motor 1.4 TSI da Volkswagen será substituído por um novo bloco em 2017. Segundo Hebert Diess, CEO da fabricante, a nova família de propulsores será 1.5 litro e turbo.

Rumores dão conta de que o bloco chegaria aos primeiros modelos já no próximo ano, porém, provavelmente, não estreará na reestilização do Golf, prevista para ser lançada este ano. Não há informações sobre quando o novo bloco começará a ser usado em carros vendidos no Brasil.

Ainda segundo o executivo, o novo 1.5 turbo com injeção direta terá custos de produção semelhantes ao do motor atual, se tornando apenas uma evolução natural. Portanto, espera-se materiais mais leves, nova turbina e sistema de desativação de cilindros, auxiliando na economia de combustível.