Após divulgar imagens e um vídeo da Toro, a Fiat parece que desistiu de camuflar a picape durante os seus testes. Desta vez, o modelo foi flagrado rodando sem qualquer disfarce em um local não identificado. A foto foi tirada por Marcos Barreto, da página no FacebookRecif Machines, e posteriormente divulgada pelo pessoal daFerd, também na rede social. Vale lembrar que há menos de um mês, o interior da picape foi parcialmente revelado.

De acordo com reportagem de UOL Carros, a Toro chegará ao mercado após o carnaval. Os preços devem ficar posicionados entre R$ 70 mil e R$ 120 mil (dependendo da configuração), mirando desde as versões mais completas dos modelos compactos, como Fiat Strada e Volkswagen Saveiro, até as variantes de entrada e intermediárias das picapes médias, como Chevrolet S10, Toyota Hilux e Ford Ranger.

Medindo 4,91 metros de comprimento, a Toro tem capacidade para levar cinco ocupantes e até uma tonelada de carga útil nas versões equipadas com o motor 2.0 turbodiesel de 170 cv de potência e 35,7 kgfm de torque. Esse propulsor é associado ao câmbio automático de nove marchas e sistema de tração 4×4.

As configurações de entrada e intermediárias levam sob o capô o bloco de 1.8 litro e.TorQ, otimizado para entregar potência próxima dos 140 cv e torque mais elevado. Com esse motor, a picape estará disponível com transmissão manual de cinco marchas ou automática de seis velocidades e tração sempre dianteira.

A Fiat Toro chegará ao mercado no primeiro trimestre do ano que vem para concorrer com a recém-lançada Renault Duster Oroch em um novo segmento, posicionado entre o das picapes compacta e médias. Dessa forma, a Toro também competirá com as versões mais completas das pequenas Fiat Strada e Volkswagen Saveiro e com as configurações de entrada das médias Chevrolet S10, Toyota Hilux e Ford Ranger, por exemplo.

A Toro será o segundo produto da Fiat Chrysler Automobiles (FCA) a sair da linha de produção da fábrica de Goiana (PE), onde já é feito o Jeep Renegade. Na unidade também está programada a fabricação de um SUV médio que substituirá o Compass em diversos mercados pelo mundo a partir no final de 2016.

Fotos: Marcos Barreto (Recif Machines), Ferd, Divulgação e Jeep Renegade Brasil (Facebook)