As coisas não estão fáceis para a Ferrari neste final de 2015. Após convocar um recall de 185 unidades do modelo California T, a marca italiana se vê obrigada a convocar 119 unidades da nova 488 GTB.

O problema é o mesmo: um potencial incêndio. Segundo o comunicado oficial divulgado pela marca, o tubo do combustível pode apresentar falhas na alimentação da bomba de combustível, causando vazamento no compartimento do motor e, obviamente, o incêndio.

Segundo a Ferrari, as unidades afetadas foram produzidas entre 9 de setembro e 6 de novembro deste ano. Apesar disso, a marca italiana garante que nenhuma unidade chegou às mãos dos clientes e afirma que todas estariam em posse das concessionárias, que farão o reparo para poder retomar as vendas.

A 488 GTB leva sob o capô um motor de 3.9 litros V8 biturbo a gasolina, capaz de gerar 670 cv de potência e 77,5 kgfm de torque. Essa força é enviada às rodas traseiras por meio da transmissão automatizada de sete marchas e dupla embreagem. Segundo os dados de fábrica, a sucessora da veterana 458 Italia acelera de 0 a 100 km/h em 3 segundos e atinge a velocidade máxima de 330 km/h.