A Volkswagen do Brasil anunciou, na última terça-feira (15), o início das exportações do bloco do motor de três cilindros de 1.0 litro para a Alemanha. O propulsor servirá de base para as motorizações 1.0 do up! e do Polo produzidos naquele país.

De acordo com a Volkswagen, um lote de 46 mil motores fabricados em São Carlos (SP) será enviado à matriz alemã até o final deste ano. Para 2016, a meta é exportar outras 45 mil unidades.

– Veja a avaliação do Volkswagen speed up! (vídeo)

Produzido em alumínio, o bloco tricilíndrico do motor da família EA211 pesa cerca de 25 quilos a menos que o de um propulsor convencional de quatro cilindros feito de ferro. Por aqui, esse motor utiliza tecnologias como duplo comando variável de válvulas (são quatro por cilindro) e injeção direta de combustível. Na configuração aspirada, ele entrega 82 cv de potência e 105 cv na dotada de turbocompressor, quando abastecido com etanol.

Em 2016, o 1.0 três-cilindros será estendido aGol e Voyage reestilizados.

Foto: Reprodução