A Hyundai apresenta no Salão de Los Angeles, nos Estados Unidos, a sexta geração do Elantra. O sedã da linha 2016 exibe um visual mais esportivo, com destaque para a redução do terceiro volume, evidenciando um desenho mais próximo de cupê de quatro portas. Outro destaque na aparência do Elantra vai para o conjunto óptico, que passa a contar com luzes em LED.

Em termos estruturais o novo Elantra é mais leve que o seu antecessor, sendo que a utilização de aços de alta resistência passou de 21% para 53%. Com isso, a rigidez torcional subiu para para 29,5%. O comprimento é de 4,57 metros.

 

A fabricante sul-coreana já revelou as duas opções de motorização do sedã: o bloco 1.4 litro turbo Kappa GDI a gasolina de 129 cv e 21,5 kgfm e o 2.0 litros aspirado de 149 cv e 18 kgfm. O motor 1.4 estará disponível com uma transmissão automática de dupla embreagem e sete marchas, enquanto o propulsor 2.0 trabalhará ligado a uma caixa manual de seis marchas, além de ter uma opção automática também de seis velocidades.

De série o Elantra 2016 oferece controles de tração e estabilidade, freios com sistema ABS, monitoramento de pressão dos pneus, sete airbags (incluindo de joelho para o motorista). Na lista de opcionais estão inclusos os sistemas de monitoramento de faixa, de detecção de ponto cego, frenagem automática com detecção de pedestres, piloto automático adaptativo, entre outros.

Fabricada nos Estados Unidos e na Coreia do Sul, a nova geração do Elantra começará a ser vendida no início do próximo ano. A expectativa é de que o lançamento chegue ao Brasil também ao longo de 2016.